10 dicas para incentivar os funcionários a compartilhar conteúdo no LinkedIn

Pronto para ser visto?
Clique aqui e veja como nossa assessoria de imprensa pode ajudar você ou sua empresa a vender mais!
Falar com especialista

Compartilhar conteúdo no LinkedIn é uma decisão estratégica para o sucesso de uma empresa. De acordo com o LinkedIn, 94% dos profissionais de marketing B2B utilizam a plataforma como seu principal canal de distribuição de conteúdo. Mais de 50% do tráfego social para sites e blogs B2B vem do LinkedIn. Em geral, a maioria dos profissionais de marketing B2B (79%) concordam que o LinkedIn é um canal de marketing eficaz.

Se as equipes de marketing e vendas já estão ativas no LinkedIn e estão gerando leads, há uma maneira simples e eficaz de obter mais tráfego, reconhecimento de marca e leads no LinkedIn. É aproveitando a presença nas mídias sociais de seus funcionários e incentivando-os a compartilhar e promover seu conteúdo. Essa estratégia é chamada de defesa do funcionário.

No entanto, a maioria das equipes de marketing enfrenta dificuldades para fazer com que seus funcionários participem de um programa de defesa do funcionário e compartilhem conteúdo no LinkedIn.

Se você está enfrentando os mesmos desafios, este artigo abordará três razões comuns pelas quais seus funcionários não estão compartilhando conteúdo no LinkedIn. Também compartilharemos dez dicas úteis para incentivar mais participação em seu programa de defesa do funcionário para garantir que o compartilhamento de conteúdo no LinkedIn seja sem atritos para seus funcionários.

Compartilhar conteúdo no LinkedIn: porque seus funcionários não fazem isso?

Seus funcionários já têm uma série de tarefas, projetos e responsabilidades diárias. Naturalmente, sua atenção e foco estarão nessas tarefas. 

Como resultado, pode ser um desafio convencê-los a reservar um tempo de suas agendas lotadas e dedicá-lo ao compartilhamento de conteúdo no LinkedIn. Muitos funcionários podem ver as mídias sociais no trabalho como algo que os distrai de suas funções principais. Portanto, eles podem ignorá-lo completamente. 

Com treinamento adequado, conteúdo relevante e a tecnologia certa  , você pode reforçar aos seus funcionários que o compartilhamento de conteúdo no LinkedIn não é uma tarefa demorada. 

Os funcionários mais bem-sucedidos que utilizam as redes sociais entendem como é importante construir uma rotina diária. 

“Não me sinto confortável usando as mídias sociais”

A maioria dos funcionários não tem certeza se tem permissão para usar o LinkedIn no trabalho. Eles se sentem desconfortáveis ​​em compartilhar no LinkedIn porque não têm certeza das políticas de mídia social de sua empresa. Alguns não querem ter problemas com seus gerentes ou com a equipe de RH por postarem algo errado.

O medo é ainda maior em setores regulamentados, como os de saúde e de serviços financeiros. Pode haver graves implicações financeiras e profissionais se os funcionários compartilharem conteúdo ou mensagem errada.

Mesmo que sua empresa não tenha nenhuma política de mídia social, seus funcionários podem não ter certeza do que compartilhar e quando.

“Não consigo encontrar o conteúdo certo”

Seus funcionários não compartilharão seu conteúdo se não o considerarem valioso. Você pode ter criado uma biblioteca abrangente de conteúdo, mas se não for relevante para suas funções, é menos provável que seja compartilhado.

Por exemplo, as equipes de vendas não ficarão tão entusiasmadas em compartilhar conteúdo técnico quanto a sua equipe de engenharia. Idealmente, os representantes de vendas desejarão encontrar e compartilhar conteúdo que seu público (clientes, clientes potenciais e tomadores de decisão) considere valioso. 

Da mesma forma, sua equipe de liderança estará mais interessada em compartilhar conteúdo de liderança inovadora, notícias da empresa, marcos ou recursos de publicação. 

Então, como fazer seus funcionários compartilharem conteúdos no Linkedin? Confira as dicas a seguir!

1. Demonstrar os Benefícios de compartilhar conteúdo no Linkedin

Antes de implementar um programa de advocacy de funcionários no LinkedIn, é importante que os funcionários entendam os benefícios que isso trará tanto para eles quanto para a empresa como um todo.

Primeiramente, é necessário que eles compreendam como a presença da marca da empresa no LinkedIn pode ser mais visível e atrair os parceiros, clientes e funcionários certos. Compartilhar conteúdo no LinkedIn ajudará a promover a forte cultura da empresa que já está em vigor para o resto do mundo. Além disso, ajudará a atrair futuros funcionários de qualidade que se encaixem com a cultura existente.

Em seguida, é essencial explicar o impacto positivo do compartilhamento de conteúdo do LinkedIn para cada grupo ou departamento:

  • Para a equipe de marketing: mais leads, mais conscientização da marca, mais visitantes do site, menor custo de aquisição de clientes.
  • Para a equipe de vendas: mais conversas com tomadores de decisão, mais oportunidades potenciais, aumento em seu pipeline de vendas.
  • Para a equipe de RH: atrair mais funcionários, menor custo de contratação, tempo de contratação mais rápido.
  • Para a equipe de liderança: aumentar a conscientização da marca, impulsionar as receitas e impactar no resultado final.

Por fim, é importante explicar os benefícios profissionais para cada funcionário quando eles compartilham ativamente conteúdo no LinkedIn. Isso pode ajudá-los a construir uma forte marca pessoal, aumentar conexões de qualidade e impulsionar suas carreiras.

Ao conectar os pontos entre o compartilhamento no LinkedIn e os benefícios personalizados, os funcionários são mais propensos a participar do programa de advocacy de funcionários.

2. Criar uma Política de Mídias Sociais

Ao redor de 63% dos funcionários afirmam que seus empregadores não possuem uma política de mídias sociais. A falta de clareza sobre o que podem compartilhar ou como fazê-lo muitas vezes desencoraja a participação.

Empresas que tiveram sucesso em incentivar seus funcionários a compartilhar conteúdo estabeleceram diretrizes claras de mídias sociais. Isso ajuda os funcionários a compreender como podem utilizar o LinkedIn de forma profissional no ambiente de trabalho, evitando qualquer confusão sobre o que é permitido e o que não é.

Aqui estão algumas coisas a considerar ao criar diretrizes corporativas de mídias sociais:

  • Questões Legais e Confidencialidade: Os funcionários devem saber quais informações não devem ser compartilhadas fora da empresa.
  • Divulgações: Os funcionários devem saber se precisam fazer divulgações ao compartilhar conteúdo do blog da empresa.
  • Hashtags: Seus funcionários devem conhecer as hashtags recomendadas que podem ser usadas ao compartilhar conteúdo no LinkedIn.
  • Voz e Tom da Marca: Existe um tom ou linguagem corporativa que devem seguir?

Estes são apenas alguns dos aspectos a serem considerados. O objetivo de uma política de mídias sociais é capacitá-los com o conhecimento adequado. Uma vez que seus funcionários saibam o que e como podem compartilhar no LinkedIn, estarão prontos para promover seu conteúdo.

Após a criação, certifique-se de informar seus funcionários. Facilite para eles encontrar e consultar a política de mídias sociais corporativa. Ofereça sessões de treinamento sobre sua política de mídias sociais tanto para novos contratados quanto para funcionários existentes.

Para inspiração, aqui estão as políticas de mídias sociais de algumas de suas marcas favoritas, como Intel, BestBuy e Adidas. A Intel mantém a sua breve, com 3 regras simples de engajamento.

3. Fornecer Treinamento sobre Otimização de Perfis do LinkedIn

Ao fornecer treinamento sobre a otimização de perfis do LinkedIn, é possível encorajar os usuários a serem mais ativos na plataforma. O primeiro passo é orientá-los sobre como criar um perfil profissionalmente otimizado. Alguns itens essenciais que podem ser abordados durante o treinamento incluem:

  • Adição de uma foto de perfil profissional.
  • Inclusão do cargo ou função na empresa.
  • Elaboração de um título forte.
  • Desenvolvimento de um resumo profissional.
  • Destaque das habilidades relevantes e recomendações.

Ao orientar os usuários sobre a otimização desses elementos, é possível melhorar a qualidade e a atratividade de seus perfis, contribuindo para uma presença mais eficaz no LinkedIn.

4. Configurar o Recurso de Notificações de Funcionários na Página da sua Empresa no LinkedIn

A configuração do recurso de notificações de funcionários na página da sua empresa no LinkedIn é uma maneira eficaz de aumentar o engajamento. Ao utilizar esse recurso, você pode notificar automaticamente seus funcionários sobre as últimas postagens da empresa. Cada vez que uma nova atualização é publicada na sua página do LinkedIn, você tem a opção de notificar seus funcionários. Ao clicar no botão “Notificar Funcionários”, todos os seus funcionários serão informados. Isso permite que eles curtam, comentem ou compartilhem a atualização da empresa, ampliando o alcance e o engajamento da postagem.

5. Funcionalidade LinkedIn Teammates

O recurso relativamente novo do LinkedIn, “Teammates“, ajuda os usuários a se manterem atualizados com as atualizações de seus gerentes e colegas. De acordo com estudos do LinkedIn, os usuários têm 60% mais probabilidade de interagir com o conteúdo de seus colegas do que com outras conexões.

O recurso “Teammates” permite que os usuários do LinkedIn encontrem e adicionem rapidamente colegas de trabalho aos seus perfis do LinkedIn. Eles podem então especificar quem é esse contato – seu gerente, seus colegas ou seus subordinados diretos.

O LinkedIn, em seguida, prioriza seu feed com atualizações (curtidas, compartilhamentos, comentários, notificações, aniversários) de seus colegas.

6. Peça aos Funcionários para Criar Conteúdo para sua Página da Empresa no LinkedIn

Uma das melhores maneiras de envolver seus funcionários na promoção da sua marca é pedir que eles criem conteúdo para a sua página da empresa no LinkedIn. Isso pode ajudar a aumentar o engajamento, além de fornecer uma visão autêntica do que é trabalhar na sua empresa. Aqui estão algumas ideias para incentivar a participação dos funcionários na página da empresa:

  • Postagens/Atualizações: Destaque o papel dos funcionários, a cultura de trabalho e as atividades diárias deles.
  • Especialistas em Domínio: Se seus funcionários tiverem experiência em uma área específica, entreviste-os e compartilhe o vídeo da entrevista por meio da página da empresa.
  • Eventos em Equipe: Incentive-os a compartilhar fotos dos últimos eventos em equipe.
  • Webinars: Se um dos seus funcionários apresentou um webinar ou palestra, peça a ele que forneça conteúdo em vídeo que você possa compartilhar.
  • Feedback do Cliente: Sua equipe de suporte terá inúmeras histórias de interações positivas com os clientes. Incentive-os a compartilhar essas histórias.

Ao pedir aos seus funcionários que criem conteúdo e ideias, você lhes dá um senso compartilhado de propósito. Isso também aumentará o engajamento no local de trabalho. Caso contrário, sua página do LinkedIn se tornará outra iniciativa de marketing que os funcionários ignorarão.

7. Facilite o Compartilhamento de Conteúdo

Facilite o compartilhamento de conteúdo

Para garantir que seus funcionários compartilhem o conteúdo certo no LinkedIn, é importante tornar o processo o mais simples possível. Além disso, é essencial fornecer lembretes constantes sobre novos conteúdos que você deseja promover.

Aqui estão algumas ideias para ajudar seus funcionários a terem fácil acesso ao conteúdo:

  • E-mail: A maioria dos funcionários é ativa em sua caixa de entrada de e-mail. Algumas empresas usam o e-mail para se comunicar com os funcionários e compartilhar notícias importantes da empresa.
  • Intranet da Empresa: Empresas maiores têm uma intranet dedicada onde elas hospedam todas as informações da empresa, manuais do funcionário e até mesmo conteúdo.
  • Notificações de Blog ou Boletins Informativos: Algumas empresas incentivam seus funcionários a se inscreverem no boletim informativo do blog da empresa. Sempre que um novo artigo é publicado, eles são notificados.
  • Plataforma de Defesa do Funcionário: Uma plataforma fornece um hub centralizado dedicado a fornecer conteúdo relevante para os funcionários e torná-lo fácil de compartilhar. Além disso, todo o conteúdo é pré-aprovado para que os funcionários possam compartilhar com segurança as postagens corretas nas redes sociais.

Independentemente do método que você usa para ajudar seus funcionários a compartilhar no LinkedIn, ele deve ser facilmente acessível, simples e direto.

8. Boletim de Notícias por E-mail com Conteúdo

Ao invés de enviar notificações por e-mail para cada nova postagem no blog, enviar um resumo semanal do conteúdo mais importante pode ser benéfico. O resumo permite que os funcionários revisem o conteúdo no seu tempo livre, escolham o que é relevante para o seu público e, em seguida, compartilhem.

O provedor de serviços de e-mail, automação de marketing e intranet permitirá a criação de um boletim informativo por e-mail.

Aqui estão algumas coisas a considerar ao enviar um resumo por e-mail internamente:

  • Segmentação: Idealmente, é desejável separar o conteúdo por setor ou função. Por exemplo, diferentes seções para Vendas, Engenharia e equipes de Marketing. Os funcionários compartilharão apenas o que for relevante para suas funções e seus públicos.
  • Links Compartilháveis: Integrações de mídia social dentro do boletim informativo devem facilitar o compartilhamento no LinkedIn e em outras redes.
  • Compatibilidade com Dispositivos Móveis: Estudos mostraram que os melhores horários para postar no LinkedIn são entre 8h e 12h. É um momento em que a maioria dos funcionários está em seu deslocamento diário. Portanto, o resumo por e-mail deve ser de fácil leitura em dispositivos móveis.

9. Distribua o Conteúdo para os Funcionários por meio de Ferramentas de Comunicação Interna

Ferramentas de comunicação interna como o Microsoft Teams e o Slack são amplamente utilizadas para diversos casos de uso, incluindo compartilhamento de informações, gerenciamento de projetos, perguntas frequentes, procedimentos operacionais padrão e discussões em equipe. O Slack tem 12 milhões de usuários ativos diários, enquanto o Microsoft Teams é usado diariamente por mais de 115 milhões de usuários ativos.

Uma boa estratégia é criar um canal dedicado para o conteúdo da empresa que valha a pena compartilhar. Esse canal pode servir como um hub onde os funcionários podem encontrar conteúdo e também fornecer sugestões e feedback.

Se houver um conteúdo específico que precise de exposição urgente, você pode entrar em contato via Slack e pedir que seus defensores de marca e funcionários compartilhem. No entanto, é importante usar esse método com cautela para não incomodar seus funcionários com várias notificações diárias.

Além disso, é importante garantir que o conteúdo seja formatado corretamente para que seja facilmente acessível em dispositivos móveis. As ferramentas de análise podem ser usadas para fornecer insights sobre o desempenho do conteúdo compartilhado e ajudar a melhorar a estratégia de compartilhamento de conteúdo no LinkedIn Dashboard.

10. Facilite a Participação deles

Seu programa de defesa dos funcionários não deve ser uma via de mão única. Nunca deve parecer uma iniciativa apenas de marketing ou isolada. É uma iniciativa interorganizacional que envolve todos.

O sucesso de qualquer programa aumenta quando há participação de todas as partes envolvidas – a equipe de marketing, a equipe de liderança, os defensores da marca e todos os outros funcionários.

Forneça um ambiente onde seus funcionários se sintam confiantes e confortáveis ​​para compartilhar ideias com você. Colete feedback deles em sessões de treinamento, reuniões presenciais ou pesquisas online. 

Sempre lembre-os do valor de compartilhar no LinkedIn, tanto para a empresa quanto para eles individualmente. O mesmo se aplica a ideias e criação de conteúdo. Incentive seus funcionários a apresentar ideias de conteúdo que você possa implementar e envolvê-los. 

Pensamentos Finais

Os benefícios de um programa onde os funcionários compartilham conteúdo no LinkedIn, são muitos, como aumento da conscientização da marca, mais e melhores leads, liderança de pensamento e muito mais.

No entanto, essas razões por si só não são suficientes para convencer sua equipe de liderança ou o restante de seus funcionários a se envolverem entusiasticamente. É preciso demonstrar e educar sobre os benefícios profissionais e pessoais para cada funcionário. Este é o primeiro passo para fazer com que mais funcionários compartilhem seu conteúdo no LinkedIn.

Em seguida, implemente as muitas estratégias que discutimos neste artigo. Ao criar conteúdo relevante, envolver seus funcionários e aproveitar os recursos do LinkedIn, sua empresa pode perceber os muitos benefícios da amplificação de conteúdo no LinkedIn.

Para saber mais sobre como capacitar defensores dos funcionários para compartilhar conteúdo em redes sociais como o LinkedIn, confira o Blueprint para Defesa do Funcionário.

Perguntas Frequentes

Como funciona o compartilhamento no LinkedIn?

O compartilhamento no LinkedIn é uma maneira de compartilhar conteúdo com sua rede. Quando você compartilha um post, uma imagem ou um artigo, seus seguidores podem ver e interagir com ele. O compartilhamento é fácil e pode ser feito de várias maneiras, incluindo compartilhamento direto de uma publicação de outra pessoa ou postando seu próprio conteúdo.

Como repostar uma publicação no LinkedIn?

Repostar uma publicação no LinkedIn é uma ótima maneira de compartilhar o conteúdo de outra pessoa com sua rede. Para repostar uma publicação, basta clicar no botão “Compartilhar” no canto inferior direito da publicação original e adicionar uma mensagem pessoal, se desejar. Lembre-se de dar crédito ao autor original da publicação.

Como publicar matéria no LinkedIn?

Publicar uma matéria no LinkedIn é uma maneira eficaz de compartilhar seu conhecimento e opinião com sua rede. Para publicar uma matéria, basta clicar no botão “Escrever um artigo” na página inicial do LinkedIn e seguir as instruções. Certifique-se de incluir um título atraente e imagens relevantes para tornar sua matéria mais atraente.

Como compartilhar uma atividade no LinkedIn?

Compartilhar uma atividade no LinkedIn é uma maneira de mostrar sua rede o que você está fazendo profissionalmente. As atividades que você pode compartilhar incluem alterações de cargo, prêmios, certificações e muito mais. Para compartilhar uma atividade, basta clicar no botão “Compartilhar uma atualização” na página inicial do LinkedIn e seguir as instruções.

Como fazer um post no LinkedIn?

Fazer um post no LinkedIn é uma maneira de compartilhar seu pensamento ou opinião com sua rede. Para fazer um post, basta clicar no botão “Compartilhar uma atualização” na página inicial do LinkedIn e digitar sua mensagem. Certifique-se de incluir imagens ou vídeos relevantes para tornar seu post mais atraente.

Como usar o LinkedIn de forma eficaz?

Usar o LinkedIn de forma eficaz envolve a criação de um perfil forte, a conexão com outras pessoas em sua indústria e a participação em grupos relevantes. Certifique-se de manter seu perfil atualizado e completo, incluindo informações sobre suas habilidades, experiência e realizações. Além disso, participe de grupos relevantes para sua indústria e compartilhe seu conhecimento com outras pessoas.

Ferramentas de pesquisa no LinkedIn quais são?

As ferramentas de pesquisa no LinkedIn incluem a pesquisa de pessoas, empresas, grupos e empregos. Você pode pesquisar pessoas por nome, cargo, empresa e localização. A pesquisa de empresas permite que você encontre empresas por nome, setor e tamanho. Você também pode pesquisar grupos relevantes para sua indústria e empregos disponíveis em sua área.